Pages

23 de nov de 2010


ESSA É NOOSSA CARA !

1
Nuum site o qual sou cadastrada encontrei a seguite matéria:

Me ignora que eu gamo !

Bastou ele te dar aquele fora que, pronto, virou príncipe encantado?

Existem situações na vida que se repetem muito, às vezes até demais. Quando o assunto é relação amorosa, então, parece incrível: caímos sempre nas mesmas histórias. Quantas mulheres já conheceram caras legais, ficaram apaixonadinhas, começaram a sair e, de repente... o cara não está afim. Isso que faz com que elas repitam pelos clubes de luluzinha o bordão "só gosto de quem não gosta de mim". Mas basta parar para pensar que vamos nos dar conta de que repetitivo não é o destino e, sim, nossas expectativas.

Há mais de dois anos, a vendedora Gisele Camargo não sabe o que é um namoro firme. Engata um rolo atrás do outro que nunca dão em nada, só reforçam sua teoria de eterna não correspondida. "Nada passa da terceira semana. Fico a fim dos caras, mas eles me largam. Juro que não faço nada, não pressiono, não grudo, deixo bem à vontade", garante. Tanto que eles acabam indo embora. "Não consigo entender porque isso acontece. Tudo o que eu quero na vida é um namorado. É tão simples!", engana-se ela.

A secretária executiva Jaqueline de Matos é do mesmo time e ressalta o horror de ser "desistida". "Quando o cara some, aí é que eu fico querendo mais. Fico com a sensação de que não tive tempo de mostrar tudo o que eu podia e, no final, acho uma tremenda injustiça", lamenta-se.

Objetos irreais

A psicóloga e psicodramatista Márcia Homem de Mello acredita que quem "só gosta de quem não gosta" busca, na verdade, objetos irreais. "Quando começamos um caso com alguém e tudo termina antes mesmo de nos conhecermos direito, vivemos o ideal que havíamos criado. Não há tempo para esse 'príncipe encantado' ser deconstruído e virar uma pessoa real", explica. Por isso, depois de situações desse tipo, é comum vivermos a sensação de termos perdido a grande paixão de nossas vidas. Trabalhar essa decepção é a grande cartada para que a história não soe como dejá vu. "Senão a pessoa fica buscando justificativas, culpando algo vazio", diz ela. É hora de partir para outra.

 

Mas e se nessa nova empreitada surge um outro cara interessante, simpático, bonitinho, esforçado, cheio de atenção e nitidamente interessado? Pronto, seria a solução para os problemas se não fosse um detalhe: agora, quem não está a fim é você. "Eu acho que mulher gosta é de coisa difícil. Se não for complicado, pra elas não tem a menor graça", queixa-se o artista plástico Fabrício Torres.

"Eu já nem tento facilitar mais nada, nem explicitar o que eu pretendo. Nunca dá certo. Passei muito tempo apaixonado por uma mulher, fiz de tudo para conquistá-la, tenho certeza de que daria tudo o que ela queria e ela mesma sabia disso. Mas, claro, ela queria era ficar com o outro que mal a conhecia, que ficava e largava, não dava a menor atenção. Sofri muito. No final, tive que me contentar em ser só amigo", lamenta-se. Cá entre nós, qual mulher nunca cruzou mesmo com um homem bonitinho, fofo, simpático, atencioso... e só?


Baixa autoestima

As causas para a recorrência desses episódios na vida sentimental podem ser muitas. Uma delas, provavelmente a mais comum, mora na autoestima, de acordo com a psicóloga Mariana Santiago de Matos, especialista em relacionamento amoroso. "A menos valia, a sensação de não merecimento de tanto carinho ou atenção pode ser um dos motivos, mas existem muitos outros fatores, como as restrições que o excesso de idealização do parceiro proporcionam", comenta ela.

O primeiro passo, no entanto, para entender as razões desse processo é se dar conta da reincidência de episódios. "Se a história se repete sempre, é sinal de que há algo errado. Refletir sobre carências e idealizações é um bom começo para buscar uma vida amorosa que se imponha menos restrições e ideais", conclui ela.


1 comentários:

Meu cantinho * disse...

Realmente nós mulheres gostamos de coisas dificeis shaushaushauh'' (que doideira né ! )
Raii aii ,qm vai lá entender , mais tambem depende do caso, gostei muito da materia amigaa . :D

Postar um comentário

ée meeu, ée seeu, ée nosso ;*